Post Image
dez 17, 2020

PROJETO DE VOLUNTARIADO ENCERRA AS ATIVIDADES DE 1º PERÍODO COM AÇÕES SOLIDÁRIAS


O dia 16 de dezembro foi um dia grande para o Projeto de Voluntariado. Na reta final deste primeiro período de aulas, o grupo encerrou duas campanhas que desenvolveu nas últimas semanas: a atividade “Mealheiros de Amor” e a “Campanha de angariação de alimentos para o Projeto CASA – delegação da Figueira da Foz”.

A atividade “Mealheiros de Amor” foi encerrada numa pequena cerimónia, cheia de solidariedade e espírito de partilha. Esta atividade, que decorreu entre os dias 13 de novembro – Dia da Bondade – e 10 de dezembro – Dia Internacional dos Direitos Humanos - está integrada num projeto intitulado “Filtrando o Amor”, que tem como objetivo adquirir um filtro de água para a Ilha de Sogá, na Guiné Bissau, que é uma das ilhas mais pobres do mundo e que sofre com a ausência de água potável. Os nossos alunos pretendem, com esta iniciativa, proporcionar alguma melhoria na qualidade de vida e, essencialmente, na saúde dos habitantes locais.

Nesta sessão fomos presenteados com a presença do sr. Diretor, Carlos Sousa, sempre disponível e altamente motivado para nos apoiar nas nossas iniciativas solidárias, e do presidente da associação SOGA, Michael Görne, que veio receber o resultado dos nossos mealheiros, mas também deixar o seu agradecimento e lançar o ímpeto de continuidade desta força solidária.

É com muita satisfação que o grupo de Voluntariado verificou que atingiu já cerca de 40% do valor necessário para a concretização deste objetivo, deixando um profundo agradecimento a todos os que, generosamente, contribuíram para esta atividade.

Ainda em êxtase do sucesso da primeira atividade, recebemos a visita da técnica de serviço social e do coordenador do Projeto CASA - delegação da Figueira da Foz, a quem tentámos responder ao apelo de angariar alimentos para apoio de famílias carenciadas e sem abrigo da cidade. Esta campanha surgiu, na nossa escola, no âmbito do dia do Voluntariado e teve como objetivo convidar todos os elementos da comunidade escolar a ter uma experiência voluntária, na nossa opinião a melhor forma de celebrar o voluntariado. Foi com muito orgulho que pudemos oferecer três cabazes de alimentos não perecíveis que vão apoiar as ofertas que são feitas mensalmente às famílias sinalizadas. Foi, também, com muito gosto que ficámos a conhecer melhor a ação desta associação, os projetos e o público que beneficia do seu apoio.

Mais uma vez, a ETPC revelou a sua essência solidária, nunca virando as costas a um desafio!

A todos, o grupo do projeto de voluntariado deseja um excelente Natal, cheio de alegria e muita saúde, e um novo ano repleto de bênçãos e muita solidariedade.